Biografia de Chico Xavier

Conheça a vida e as obras de Chico Xavier, o mais famoso médium brasileiro.





Quem foi Chico Xavier

O nome de batismo de Chico Xavier é Francisco Cândido Xavier. Ele nasceu em Minas Gerais, na cidade de Pedro Leopoldo, em 02 de abril de 1910.

Ele era filho de João Cândido Xavier, um operário e Maria João de Deus, que era lavadeira. Com apenas 5 anos de idade, o garoto Francisco perde sua mãe.

Após a morte dela, ele passa a morar com sua madrinha, Maria Rita de Cássia, amiga de sua mãe. Ele era maltratado e surrado pela sua madrinha.

Ainda criança, Chico Xavier teve contato mediúnico com sua mãe. Isso fez com que ele fosse considerado possuído ou louco, mas sempre manteve a calma, principalmente por sua bondade.

Com 9 anos, seu pai se casa novamente com Cidália Batista, uma mulher muito carinhosa.

Após o novo casamento, Francisco volta a morar com seu pai e sua madrasta.

Ele estudou apenas até os 14 anos, quando concluiu o primário em uma escola pública.

Sua madrasta faleceu quando Chico Xavier tinha 17 anos.

A primeira atuação pública de mediunidade aconteceu em 08 de julho de 1927. Naquele mesmo ano foi fundado um centro espírita que funcionava na casa de um irmão de Chico Xavier.

Espiritualmente, Chico Xavier era protegido pelo espírito Emmanuel, que se manifestou pela primeira vez em 1931. Foi este espírito que orientou Chico sobre qual deveria ser o foco de seu trabalho, baseando-se nos ensinamentos de Jesus e de Allan Kardec.

Ele foi também funcionário público, quando trabalhou no Ministério da Agricultura. Se aposentou em 1959, com apenas 49 anos, por problemas na vista.

Após sua aposentadoria e orientado por médicos e por conselheiros espirituais, Chico Xavier passa a residir em Uberaba. Lá ele continuou as atividades como médium.

Seus livros

Chico Xavier psicografou mais de 400 livros, mas ele jamais aceitou dinheiro decorrente de seu trabalho mediúnico.

Ele sempre viveu apenas com o dinheiro proveniente de sua aposentadoria ou decorrente de seus trabalhos.

Suas mais de 400 obras foram psicografadas por espíritos como André Luiz, Bezerra de Menezes, Cornélio Pires, Emmanuel, Irmão X (Humberto de Campos) e outros.

No total são mais de 25 milhões de exemplares vendidos em mais de 70 anos de atividade.

Principais obras de Xavier

Abaixo estão listadas algumas das principais obras do ilustre de acordo com o ano de criação:

  • Crônicas de Além-Túmulo, 1937;
  • Emmanuel Emmanuel, 1938;
  • Brasil, Coração do Mundo, Pátria do Evangelho, 1938;
  • A Caminho da Luz Emmanuel, 1938;
  • Há Dois Mil Anos Emmanuel, 1939;
  • Cinqüenta Anos Depois Emmanuel, 1940;
  • O Consolador Emmanuel, 1941;
  • Paulo e Estevão Emmanuel, 1942;
  • Crônicas de Além-Túmulo, 1937;
  • Sinal Verde André Luiz, 1971;
  • Companheiro Emmanuel, 1977;
  • Retratos da Vida, 1985;
  • Mediunidade e Sintonia Emmanuel, 1986;
  • Queda e Ascensão da Casa dos Benefícios, 1991;
  • Escada de Luz diversos espíritos, 1999.

Filmes

Em 2010 é lançado o filme “Chico Xavier”, dirigido por Daniel Filho.

O filme conta toda a trajetória do médium e sua atividade mediúnica e filantrópica. O filme fala ainda sobre seus amores.

Chico Xavier

Foto: Reprodução

No mesmo ano é lançado sob a direção de Wagner de Assis o filme “Nosso Lar”, que levou quase 600 mil pessoas aos cinemas apenas no fim de semana de estreia. Diferentemente do filme anterior, este não fala sobre a vida de Chico Xavier, mas é baseado em uma das suas mais famosas obras, de mesmo nome.

Sua morte

No dia 30 de junho de 2002 morre Chico Xavier, aos 92 anos. Ele faleceu na cidade onde vivia, em Uberaba, dentro de sua casa no bairro Parque das Américas.

Sua morte se deu por causas naturais, quando seu coração simplesmente deixou de bater.

Em seus últimos anos de vida ele já enfrentava vários problemas de saúde, com muita dificuldade para andar e cego de um olho.

Seu único filho foi Eurípedes Reis, que era adotivo.

Frases famosas

  • “Fico triste quando alguém me ofende, mas, com certeza, eu ficaria mais triste se fosse eu o ofensor… Magoar alguém é terrível!”
  • “Não exijas dos outros qualidades que ainda não possuem.”
  • “Deus nos concede, a cada dia, uma página de vida nova no livro do tempo. Aquilo que colocarmos nela, corre por nossa conta.”
  • “Discutir não alimenta. Reclamar não resolve. Revolta não auxilia. Desespero não ilumina. Tristeza não leva a nada. Lágrimas não substituem suor. Irritação intoxica. Calúnia responde sempre com o pior. Para todos os males, só existe um medicamento de eficiência comprovada: continuar na paz, compreendendo, ajudando, aguardando o concurso sábio do tempo, na certeza de que o que não for bom para os outros não será bom para nós.”
  • “O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que as pessoas escalassem o Everest ou fizessem grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos amássemos uns aos outros.”

Gostou da Biografia de Chico Xavier? Então compartilha este post com seus amigos nas redes sociais e também deixa seu comentário abaixo!

Biografia de Chico Xavier
5 (100%) 5 votes

Leave a Reply