Biografia de Ferreira Gullar





José Ribamar Ferreira cujo pseudônimo era Ferreira Gullar, nasceu no estado do Maranhão no ano de 1930. Possui origem pobre e começou seus estudos em poesia na sua cidade natal, quando criança dividia seu tempo com a escola e com as brincadeiras nas ruas junto com outras crianças.

Com apenas 18 anos começou a usar seu pseudônimo e publicou um livro, cujo nome era “Um pouco acima do chão”.

Ferreira Gullar decidiu ser poeta por não se conformar em ter se tornado adulto, via na poesia uma fuga ao que a vida trazia inevitavelmente.

Além de seu talento natural, este poeta inspirou-se em outros grandes poetas brasileiros, como Carlos Drummond de Andrade e Manoel Bandeira. Mesmo com tais inspirações da poesia moderna, Ferreira Gullar trilhou outros caminhos e começou a se aventurar na chamada poesia radical.

Durante sua trajetória, o poeta foi premiado e não se limitou a escrever somente poesias, fez também peças e ensaios.

Ferreira Gullar
Foto: Reprodução

Quem foi Ferreira Gullar

Ferreira Gullar nasceu na cidade de São Luis, e na mesma cidade começou seus estudos, na escola técnica. Foi o quarto filho do casal Newton Ferreira e Alzira Ribeiro Goulart, Gullar foi educado em um colégio católico e aos 15 anos ganhou um concurso de redação e ali começou seu sonho de ser escritor.

Aos 17 anos se tornou oficialmente um poeta, quando publicou um poema no jornal do local, depois disso, sua escrita foi trilhando caminhos diversos por diferentes estilos. Uma das principais características era a forte vertente política que a mesma trazia.

Quando adulto Ferreira Gullar trabalhou no centro de cultura da UNE, e durante o golpe militar foi exilado do Brasil, por ser filiado ao um partido e fazer parte do grupo Opinião.

Outra biografia:  Biografia de Cora Coralina

Quando exilado, escreveu também peças de teatro e roteiros para a televisão. Voltou para o Brasil somente no ano de 1977, porém foi preso e sofreu tortura. Depois de pressão internacional e popular, foi libertado e começou a atuar na imprensa do Rio de Janeiro e contribuía simultaneamente para roteiros na televisão.

Ferreira Gullar foi casado duas vezes, a primeira com Teresa Aragão, com quem teve três filhos, um deles faleceu em 1994 e Teresa no ano de 1992. Anos depois, o artista se relacionou com Claudia Ahimsa, 35 anos mais nova que ele e com viveu até o ultimo dia da sua vida.

Principais Obras de Ferreira Gullar

As principais obras de Ferreira Gullar durante sua atuação são:

– A luta corporal;

– Teoria do não objeto;

– João Boa Morte, o cabra marcado para morrer;

– Dentro da noite veloz;

– Poema sujo;

– Na vertigem do dia;

– Autobiografia literária.

Prêmios  conquistados na sua carreira

Ferreira Gullar foi por diversas vezes homenageado e recebeu diversos prêmios, dentre os quais:

– Concurso de poesia do Jornal de Letras em 1950;

– Foi indicado para o Nobel da Literatura em 2002;

– Ganhou o prêmio Jabuti em 2007 e em 2011;

– Ganhou o prêmio Camões em 2010;

– Foi homenageado com o titulo de Doutor Honoris Causa pela UFRJ em 2010;

– Teve uma rua com seu nome em São Luís em 1999;

– Conseguiu uma cadeira na Academia Brasileira de Letras em 2014.

Vida de militante

Este renomado artista teve uma atuação militante forte no Brasil, durante sua juventude Ferreira Gullar era um defensor do socialismo e de pautas da esquerda, atuando em debates e expressando em seus poemas sua opinião política.

Outra biografia:  Biografia de Carlos Drummond de Andrade

Depois de um tempo, Ferreira começou a mudar suas crenças e passou a criticar os rumos da esquerda no Brasil. O socialismo deixou de ser sua ideologia e nesta época ela já não acreditava que daria certo no Brasil.

Apesar de sua ambiguidade na militância, ele nunca fora menos querido por este motivo, algumas pessoas o admiram por sua transparência e acredita-se que seu sucesso esteja com este fator relacionado.

Como Ferreira Gullar morreu?

Ferreira Gullar morreu aos 86 anos no ano de 2014 no estado do Rio de Janeiro, a causa da sua morte foi uma pneumonia, a qual fora agravada por outros problemas de saúde que ele vinha sofrendo, além de sua idade avançada ter contribuído para o avanço da doença.

Curiosidades

Dentre as principais curiosidades sobre Ferreira Gullar estão:

  • Foi exilado durante o período da ditadura e, no mesmo período escreveu um dos seus mais famosos poemas, intitulado “Poema Sujo” que possui forte vertente critica ao sistema dominante da época, com mais de 100 páginas;
  • Além de ser poeta e escritor, era também artista plástico;
  • Foi Ferreira Gullar quem escreveu a biografia da psiquiatra Nise da Silveira, que posteriormente foi adaptada para o cinema;
  • Muitos de seus poemas foram adaptados em canções de MPB por renomados cantores, como Caetano Veloso e Milton Nascimento;
  • Seus poemas sobre política e comportamento são os mais queridos pelos leitores e nunca os simbolismos contidos neles perderam seus significados.

Vídeo: Biografia Resumida de Ferreira Gullar

Gostou da biografia de Ferreira Gullar? Então compartilha este post com todos os seus amigos nas redes sociais e deixa sua avaliação nas estrelinhas abaixo.

Biografia de Ferreira Gullar
5 (100%) 6 votes

Última atualização: 09/08/18


Veja também

Biografia de Álvares de Azevedo

Biografia de Álvares de Azevedo

Conheça vida e obra de Álvares de Azevedo, um dos maiores destaques da segunda geração …

>