Biografia do Rei Arthur

Dificilmente, alguém nunca ouviu falar sobre a lenda do Rei Arthur, não é mesmo? No entanto, até aonde vai a fantasia e o que é real nessa história poucos conhecem. Esse assunto confunde até mesmo os historiadores.





O texto a seguir traz informações sobre a vida do Rei Arthur e sua famosa lenda.

A clássica lenda do Rei Arthur e os cavaleiros da Tábola Redonda é conhecida há muito tempo. São muitas as histórias contadas e as aventuras narradas sobre o Rei e seus companheiros.

No entanto, muitos historiadores discordam de sua real existência. Para alguns, Arthur apenas trata-se de um inventário popular, cercado por lendas sobre magia, heroísmo e romance. Porém, uma corrente de historiadores acreditam no reinado de Arthur.

Para eles o soberano foi muito importante na defesa de seu território contra a invasão de estrangeiros e, por isso tornou-se um líder respeitado e adorado.

Rei Arthur

Foto: Reprodução

O que se pode afirmar ao certo é a popularidade que essa história ficou conhecida. Essa narrativa atravessou gerações e tornou-se um marco na literatura do mundo.

Também destaca-se a sua importância para a cultura, foram muitos os filmes e peças que foram feitas a partir da lenda do Rei Arthur.

Biografia do Rei Arthur

Acredita-se que o Rei Arthur viveu por volta do século IV ou V na região hoje conhecida como Grã Bretanha. O monarca era descente de bretões, que teve sua origem do povo celta.

O povo celta viveu antes de Cristo e percorreu um longo caminho até chegar e conquistar essa região. Acredita-se que em 1136, os territórios comandados por Arthur se estenderiam desde a Grã Bretanha até países que compõem o sul da Europa, atualmente.

Arthur juntamente com seu fiel exército lutou doze batalhas seguidas para proteger seu território contra a invasão dos saxões.

Os historiadores buscam informações mais precisas sobre a vida de Arthur e de sua origem. Sabe-se que histórias a respeito dele começaram a ser contadas desde a muito séculos e que inspiraram canções nos séculos XI e XII.

Verdadeira história do Rei Arthur

Não sabe-se ao certo se de fato o Rei Arthur existiu ou é puro imaginário popular. Sua história é muito conhecida, sendo Geoffreey de Monmouth o primeiro autor a escrever sobre sua lenda.

O autor foi responsável pelas crônicas História dos Reis da Bretanha.

A lenda do Rei Arthur

Existem algumas versões sobre a real identidade do Rei Arthur. Uma delas, conta que segundo a lenda, Arthur foi filho do Rei Uther Pendragon.

Devido as guerras frequentes e disputas territoriais, o mago Merlin foi o responsável pela educação e por cuidar do menino, até que ele estivesse na idade adulta.

A lenda do Rei Arthur

Foto: Reprodução

Merlin havia enterrado uma espada, a famosa “Excalibur”, em uma pedra onde só quem tivesse sangue real e fosse herdeiro legítimo do trono da Grã Bretanha, poderia retirar de lá.

Nessa espada, estava cravada algumas palavras, onde diziam que quem conseguisse arrancá-la seria o próximo rei.

Com a morte do Rei Uther, Merlin levou Arthur até a Excalibur e ele então retirou a espada tornando-se o novo o rei.

Outra versão da lenda, diz que a espada Excalibur foi entregue a Arthur pela Dama do Lago e ele então tornou-se rei da Grã Bretanha.

Após ser coroado rei, Arthur casa-se com Guinevere e passa a morar em Camelot. Pelas batalhas que estavam por vir e para proteger seu reino, ele reuniu os seus melhores cavaleiros.

Os cavaleiros da Távola Redonda foram assim chamados pelo fato de sempre reunirem em círculo. Dentre os guerreiros, Lancelot era o que mais destacava-se, principalmente por sua coragem.

Em algumas versões da lenda do Rei Arthur é citada a traição de Guinevere com Lancelot. Na lenda, a futura rainha já casou-se com Arthur apaixonada por Lancelot.

O guerreiro era fiel ao seu Rei, mas também amava sua esposa. A traição do cavaleiro custou sua expulsão da Távola Redonda e de Camelot.

As batalhas dos cavaleiros da Távola Redonda tornaram muito conhecidas em todo reino e povos vizinhos. De acordo com a lenda, Arthur liderou seus guerreiros na luta contra dragões, feiticeiras, gigantes e outros seres mitológicos.

Também destaca-se na história a busca pelo Santo Graal (taça utilizada por Jesus Cristo). O Rei termina sua história morto em uma disputa com seu próprio filho, Mordred, que almejava o poder.

Rei Arthur e os Cavaleiros da Távola Redonda

Para enfrentar as inúmeras batalhas, o Rei Arthur decidiu reunir seus melhores guerreiros para criar a Távola Redonda. Arthur e seus cavaleiros ficavam em forma de círculo para que todos sentissem que eram iguais perante ao rei.

Acredita-se que Arthur escolhera de doze a vinte quatro homens para compor a Távola Redonda. No entanto, alguns autores afirmam que esse número chegou a centenas de cavaleiros.

Sabe-se que quem fora escolhido pelo Rei, deveria servir ao seu povo fielmente e sentir-se honrado por isso.

Gostou da biografia de Rei Arthur? Então compartilha o post com seus amigos nas redes sociais e deixa seu comentário abaixo!!

Biografia do Rei Arthur
5 (100%) 6 votes

Leave a Reply