Biografia de Belchior

Uma personalidade forte, talentosa, genial e muito polêmica é o que podemos entender de Antônio Carlos Belchior ou simplesmente Belchior.





Belchior

Nascido na cidade de Sobral, estado de Ceará, no dia 26 de outubro de 1946 deixou sua marca na cultura brasileira como cantor, músico, compositor e intelectual dos mais celebrados.

Belchior era filho de Dolores Gomes Fontenele Fernandes e Otávio Belchior Fernandes.

O cantor que fez parte do grupo de artistas chamados “Pessoal do Ceará” junto com Fagner, Ednardo, Rodger e muitos outros grandes artistas, destacou-se na música popular brasileira com muita originalidade.

O artista começou sua carreira ainda criança como repentista e cantor de feira livre a conseguia chamar a atenção pela forma diferenciada com que se apresentava. Belchior sempre foi um inovador e buscava transpor as barreiras do comum.

Na adolescência e juventude além de aprender tocar violão dedicou-se a estudar música e aprendeu piano, ler partitura e desenvolveu de maneira rápida seus conhecimentos. O cantor chegou a trabalhar numa rádio na cidade de Sobral, mas deseja ir mais além e, então, resolve mudar-se para Fortaleza onde cursou Filosofia e chegou a dar aulas.

Biografia de BelchiorNutrindo um sonho antigo o artista começou a cursar medicina, mas foi envolvido pela música e resolveu abandonar seu curso e seguir com o grupo de artistas cearenses para São Paulo e para onde tivesse um festival de música.

Já um notável compositor Belchior em 1971 Belchior participou do IV Festival Universitário de Música Popular Brasileira e venceu cantando Na Hora do Almoço, uma de suas mais notáveis canções.

O cantor era um verdadeiro nômade e saiu do Rio de Janeiro onde morava e foi para São Paulo e, sempre andando desde o final de sua vida.

Em 1971 gravou seu primeiro compacto e foi muito influente na carreira da cantora Elis Regina, pois, a mesma gravou várias canções de sua autoria, sendo a primeira Mucuripe, que foi composta em parceria com Fagner. O cantor que dividia os palcos com diversos empregos gravou seu disco pela Chantecler e em seguida gravou Alucinação já por outra gravadora a Polygram.

O sucesso de Belchior eram inegáveis e suas canções altamente conceituadas. Inovador como sempre Belchior, que sempre fez críticas duras ao mercado fonográfico, resolveu criar sua própria gravadora e lançar seus discos de forma independente.

O final da vida de Belchior foi indigna para o grande artista que ele era. O cantor deixou a ex-esposa Ângela após se apaixonar por Edna Prometheu e enfrentou vários processos e teve todos os bens bloqueados. Morando de favor em casas de amigos o artista chegou a buscar abrigo em uma instituição de caridade.

Em 30 de abril de 2017 o artista morreu numa casa onde morava de favor em Santa Cruz do Sul após sofrer um infarto com rompimento da aorta.

O cantor estava com 70 anos e longe dos holofotes da mídia desde 2009 quando o Fantástico levantou a polêmica sobre o sumiço e os muitos processos de Belchior. Na época o mesmo estava numa casa no Chile.

Biografia de Belchior
5 (100%) 7 votes

Leave a Reply