Biografia de Nelson Mandela

A humanidade teve muitos nomes considerados heróis que lutaram por uma causa em favor de uma maioria ou grupo e um dos maiores sem dúvida alguma foi Nelson Mandela.





Quem foi Nelson Mandela

A história da igualdade entre as raças não pode ser contada, sequer iniciada, sem falar de Mandela.

O ex-presidente da África do Sul era oriundo de uma tribo nobre e de força tribal conhecida e respeitada. Nascido Nelson Rolihlahla Mandela o mesmo recebeu o nome Nelson, como sempre usava, de uma professora na infância. Era costume colocar nome inglês em alunos que se matriculavam. Nelson Mandela nasceu em Mvezo no dia 18 de julho de 1918.

O futuro presidente sul-africano era filho de Nkosi Mphakanyiswa Gadla Mandela um chefe tribal nobre do povo Zulu e de Nosekeni Fanny.

O líder era da etnia Xhosa e foi preparado na infância para ter cargo de liderança na tribo. Todavia, logo que seu pai morreu, quando tinha 09 anos, foi viver numa espécie de Vila Real onde recebeu cuidados do líder Jongintaba Dalindyebo.

O líder que era tio de Mandela serviu muito como inspiração para o jovem que estava determinado a lutar pelas suas causas. Logo após terminar a fase colegial, inclusive, estudando em escolas que a elite negra estudava, “Madiba” como também era chamado Nelson Mandela, foi cursar a universidade.

Nelson Mandela

O jovem promissor e guerreiro foi estudar Direito na Fort Hare, primeira Universidade da África do Sul. Foi ali naquele ambiente de aprendizado e libertação que com alguns amigos forma o Congresso Nacional Africano (CNA).

Ainda na Universidade começa a se envolver em protestos por algumas determinadas questões específicas. Logo é boicotado e não demora muito acaba vendo-se obrigado a deixar a faculdade. Ao voltar para a vila real o seu tio, líder de todos, resolve fazer com que ele e um primo se casem com mulheres arranjadas por eles. Não muito satisfeito com a ideia Nelson Mandela e o primo fugiram para Joanesburgo.

Na principal cidade do país Nelson Mandela começa suas lutas através do CNA e a partir de 1946 a segregação racial o fez ir às ruas e organizar protestos, sempre afirmando que era pacífico e sem a utilização de meios violentos. As causas defendidas por Mandela se tornavam cada vez mais uma bomba prestes a explodir no país.

Os conflitos de intolerância entre negros e brancos faziam com que o país fosse fortalecendo o apartheid. Mandela era apaixonado por esportes, sobretudo, o boxe, que ele aprendeu a lutar. As lutas perduraram e Mandela atuava através do Direito e de seus conhecimentos diplomáticos pelo fim do apartheid, mas a essa altura já era acusado de promover traição ao estado e de incitar a violência.

No ano de 1962 foi preso junto com muitos outros negros que lutavam pelo fim do apartheid e em 1964 acabou sendo condenado a prisão perpétua. A prisão do líder teve reações no país, mas mesmo assim Mandela ficou por 30 anos.

Uma mobilização mundial fez com que o ler fosse liberto em 1990 após protestos e uma influência da mídia do mundo inteiro.

Ao ser liberto ficaria inevitável sua eleição para presidente da África do Sul. Mandela viajou o mundo lutando contra a segregação racial. Em 1993 ganhou o Prêmio Nobel da Paz e selou de vez sua chegada a presidência.

Em 1994 foi eleito presidente da África do Sul com enorme aprovação popular e considerado o líder não apenas do país africano, mas um dos líderes mundiais.

O grande Madiba ficou até 1999 e não quis apegar-se ao poder, coisa que muitos ditadores fazem. Nelson Mandela rodou o mundo levando sua mensagem de paz e fim da segregação racial.

Os últimos anos de sua vida, sobretudo, últimos anos de governo foram marcados pela busca por aproximar negros e brancos em um só desejo de que todos são iguais.

Nelson Mandela foi casado a primeira vez com uma jovem chamada Evelyn Mase em 1944, mas seu casamento logo acabaria devido a jovem não mais suportar o ativismo político de Mandela.

Deste relacionamento tiveram um filho chamado Thembi e uma filha Makaziwe, mas esta morreu aos 09 meses de nascida. Depois tiveram mais dois filhos e acabaram, então, se separando. Nesta época Mandela vivia na clandestinidade e ambos se viam pouquíssimas vezes. Em 1957 se une a Winifred Zanyiwe Madikizela e casa-se com a mesma.

Pouco tempo após se casar ocorreu sua condenação a prisão perpétua, mas mesmo com as dificuldades em se verem permanecem casados. Mais tarde quase no fim da prisão e depois que sai desta Nelson Mandela descobre que sua esposa tem amantes e isso foi a público, causando uma desmoralização.

Ele então resolve se divorciar da esposa. A amada acaba se tornando uma adversária, sobretudo, após ser condenada por alguns crimes ao lado do amante. Nelson Mandela morreu no dia 05 de dezembro de 2013 em Joanesburgo.

Frases de Nelson Mandela

Algumas das principais frases de Mandela:

  • “A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo.”
  • “Você, pensando pequeno, não ajuda o mundo. Não há nenhuma bondade em você se diminuir, recuar para que os outros não se sintam inseguros ao seu redor. Todos nós fomos feitos para brilhar, como as crianças brilham.”
  • “Não há nada como regressar a um lugar que está igual para descobrir o quanto a gente mudou.”
  • “Sonho com o dia em que todos levantar-se-ão e compreenderão que foram feitos para viverem como irmãos.”
  • “Uma boa cabeça e um bom coração formam sempre uma combinação formidável.”
  • “Você não é amado porque você é bom, você é bom porque é amado.”
  • “Eu aprendi que a coragem não é a ausência de medo, mas o triunfo sobre ele. O homem corajoso não é aquele que não sente medo, mas aquele que conquista por cima do medo.”

Gostou da biografia de Nelson Mandela? Então compartilha este conteúdo nos botões das redes sociais abaixo e deixa sua avaliação nas estrelinhas.

Biografia de Nelson Mandela
5 (100%) 31 votes

Leave a Reply