Biografia de Gregório Duvivier

Biografia de Gregório Duvivier

Não há dúvidas que você ficará perplexo ao ler esta biografia de Gregório Duvivier, posto que, para muitos, talvez, para você também, seja apenas um metido a comediante que gravou vídeos para o YouTube e integrou o elenco do canal Porta dos Fundos.

Mas, descobrirá que ele é muito mais que isso e seu talento descende de sangue nobre!

Biografia de Gregório Duvivier

Nascido no Rio de Janeiro no dia 11 de abril de 1986 o ator, escritor, poeta, comediante, roteirista, ativista, empresário e Youtuber Gregório Byington Duvivier descende de família nobre onde o seu pai o artista plástico e músico Edgar Duvivier é descendente do comendador Theodoro Duvivier, importante figura na formação da cidade do Rio de Janeiro e sua expansão geográfica.

Já do lado de sua mãe a cantora Olivia Byington é descendente da filantropa paulista Pérola Byington.

Quando criança Gregório Duvivier era uma criança muito fleumática e antissocial e, seus pais, resolveram colocá-lo em um local que pudesse desenvolver-se mais socialmente. Foi neste período que passou a integrar a famosa e concorrida escola de teatro Tablado.

Ali ficou por uma década se dedicando as artes cênicas. Durante este período já manifestava o seu enorme gosto pela literatura, sendo, deste modo, um leitor assíduo.

Mais tarde entraria para a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC/RJ) e se graduaria em letras.

Quando estava com 17 anos conheceu Marcelo Adnet, Fernando Caruso, Rafael Queiroga e outros ilustres colegas, que juntos formaram um grupo que montava e encenava peças de teatro, com destaque, de fato, para a peça a Z.É. Zenas Emprovisadas.

O lado escritor e genial de Gregório Duvivier se manifestou através de suas obras literárias lançadas ao longo de sua carreira como ator de teatro.

O livro de poesias “A partir de amanhã eu juro que a vida vai ser agora” foi um sucesso de crítica e recebeu elogios de poetas consagrados como Ferreira Gullar, por exemplo.

A partir desta obra chegou a ser considerado a maior revelação da poesia no Brasil nos dias atuis. Um poeta requintado e moderno diziam alguns críticos de Gregório Duvivier.

O artista ainda lançou os livros “Ligue os pontos – Poemas de amor e Big Bang” e “Put Some Farofa”. Gregório Duvivier é considerado um artista sagaz, intelectual e que consegue ter um humor ácido que agrada. Ao lado dos antigos colegas fundou o canal e a produtora de esquetes para o Youtuber “Portas dos Fundos” que teve 51% de suas ações negociadas por cerca de R$ 61 milhões.

O ator tem vários trabalhos na televisão, sobretudo, na Rede Globo, onde atuou nas seguintes produções: “O Sistema – 2007”, “Mandrake – 2007”, “Cilada – 2007/2008”, “Mateus, o Balconista – 2008/2010”, “Casos e Acasos – 2008”, “A Lei e o Crime – 2009”, “A Grande Família – 2012”, “Os Buchas – 2009/2010”, “Junto & Misturado – 2010”, “Vendemos Cadeiras – 2010”, “As Brasileiras – 2012”, “O Fantástico Mundo de Gregório – 2012”, “Louco Por Elas – 2013”, “A Grande Família – 2013”, “Zorra – 2015” e “Greg News – 2017”.

No cinema o ator tem inúmeros filmes de sucesso sendo eles “Podecrer – 2007”, “O Diário de Tati – 2008”, “Apenas o Fim – 2011”, “Alguns Nomes do Impossível – 2009”, “À Deriva – 2009”, “A Vida de Balconista – 2009”, “5 X Favela – Agora por Nós Mesmos – 2009”, “A Mulher Invisível – 2010”, “Podia Ser Pior – 2010”, “Chico Xavier – 2010”, “Não Se Preocupe, Nada Vai Dar Certo – 2011”.

“Qualquer Gato Vira – Lata – 2011”, “O Homem do Futuro – 2011”, “Heleno – 2011”, “Reis e Ratos – 2012”, “Fim – 2013”, “Vai Que Dá Certo – 2013”, “Giovanni Improtta – 2013”, “Eu Não Faço a Menor Ideia do Que Eu Tô Fazendo Com a Minha Vida – 2013”, “Porta – 2015”, “Vai Que Dá Certo 2 – 2016”.

É militante de esquerda filiado ao PSOL e já se envolveu em muitas polêmicas sobre seus posicionamentos políticos.

Um de seus principais desafetos ideológico é o pastor, cantor e deputado federal Marco Feliciano do PSC. Gregório Duvivier foi casado com a atriz, cantora e roteirista Clarice Falcão.

O mesmo ainda é colunista da Folha de São Paulo e mantém vários negócios na área de comunicação.

1 Comentário


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *