Biografia de Fernando Pessoa

Um poeta completo e um nome que a tradição literária de Portugal cultua até ao dias atuais é Fernando Pessoa.





Fernando Pessoa

O poeta Fernando Antônio Nogueira Pessoa nasceu em Lisboa no dia 13 de junho de 1888 e era filho do casal Joaquim de Seabra Pessoa e dona Maria Magdalena Pinheiro Nogueira Pessoa o poeta se destacou, além de poeta, como filósofo, ensaísta, dramaturgo, publicitário, tradutor, astrólogo, inventor, empresário e muitas outras funções a que se dedicava fazer.

A obra literária de Fernando Pessoa se insere no Modernismo Português fazendo-o a principal figura do movimento. Pessoa mantinha uma poesia lírica, nacionalista e introspectiva que rebusca um eu profundo. O poeta se desnuda em sua poesia retratando temas que falam de angústia, solidão, cansaço da vida e das inquietudes.

Fernando Pessoa, durante a infância, teve duas perdas que o abalariam, primeiro perde o pai quando estava com 05 anos. O mesmo morreu vítima de tuberculose e, apenas um no após, perde o irmão. O poeta e a mãe se mudam para uma casa mais simples e, tempos depois, a mesma se casa novamente com o comandante João Miguel Rosa.

Biografia de Fernando PessoaEm 1896 o poeta segue com a mãe para Durban na África onde o padrasto trabalha como cônsul português.

Ali Pessoa é educado e torna-se um adolescente interessado por literatura. A educação recebida por Fernando Pessoa foi quase toda britânica e, deste modo, ele passa a ter mais acesso aos escritores Shakespeare, Edgar Allan Poe e muitos outros.

Quando começa a compor seus primeiros versos o poeta tem forte influência desta literatura inglesa e possui maior contato com esta língua. Desde o começo Fernando Pessoa já lançava seus poemas utilizando os famosos heterônimos.

O primeiro a ser criado por Fernando Pessoa foi Alexander Search – onde o personagem enviava cartas a ele – Fernando Pessoa.

Neste período estudando em Durban na Universidade do Cabo da Boa Esperança prossegue escrevendo poesias e prosas em inglês, utilizando dos heterônimos Charles Robert Anon e H. M. F. Lecher. No ano de 1905 o poeta retorna a Portugal e passa a morar com a avó. Neste mesmo período entrapara a Faculdade de Letras na Universidade de Lisboa.

Fernando Pessoa não consegue ficar muito tempo na universidade e passa a investir em sua carreira literária. Estudada mais detalhadamente escritores portugueses como Cesário Verde e os sermões de Padre Antônio Vieira. Já em 1912 tornou-se crítico literário na revista Águia.

O poeta recebeu uma pequena herança da avó, dona Dionísia, após a morte da mesma, montando com o dinheiro uma tipografia. Em 1915 se junta a importantes intelectuais e escritores e cria a revista “Orpheu”. A revista tinha como filosofia propagar às ideias futuristas e uma liberdade de expressão e literária.

Na literatura de Fernando Pessoa ele consegue agregar personalidades diferentes através de seus heterônimos. É sabido que os mais famosos são Álvaro de Campos, Alberto Caeiro e Ricardo Reis.

As obras de Fernando Pessoa publicadas em vida foram “35 Sonnets – 1918”, “Antinous – 1918”, “English Poems, I, II e III, – 1921” e “Mensagem – 1934”. Ressalta-se que todas essas obras, com exceção de Mensagem, foram escritas em inglês. A obra Mensagem é a única, em vida, lançada pelo célebre poeta Fernando Pessoa. Já as obras póstumas foram 18 ao todo.

O poeta era um frequente consumidor de bebida alcoólica e, talvez, por conta disso, tenha contraído cirrose hepática. Fernando Pessoa morreu aos 47 anos no dia 30 de novembro de 1935 em Lisboa.

Biografia de Fernando Pessoa
4.5 (89.57%) 23 votes

Leave a Reply