Biografia de Sherlock Holmes

Sherlock Holmes é um dos principais personagens criados na literatura, é muito difícil encontrar uma pessoa que não o conheça pelo menos uma história do personagem.





Além da literatura, Sherlock também esteve presente em outras mídias, o que amplificou ainda mais seu sucesso.

As histórias de Sherlock Holmes giram em torno de investigações criminais, onde o mesmo tenta descobrir o que de fato aconteceu e, de alguma forma isso acontece todas as histórias.

Mesmo após mais de 100 anos da publicação da primeira história de Sherlock Holmes, este personagem continua atual e seu carisma ainda encanta.

Sherlock Holmes

Foto: Reprodução

Quem foi Sherlock Holmes?

Sherlock Holmes foi um dos personagens criados na literatura britânica, por Conan Doyle no ano de 1887. Um dos mais famosos detetives já criado alcançou sucesso implacável que perdura até os dias atuais.

O personagem possui uma inteligência implacável, além de elevada perspicácia e senso de humor aguçado, fatos os quais podem explicar o sucesso mesmo depois de tanto tempo.

Sherlock Holmes fora inspirado em um professor (se chamava Joseph Bell) que Conan Doyle teve durante a sua vivência universitária no curso de medicina.

A esperteza ao fazer deduções com base em fatos, deixava Doyle perplexo e o fez despertar uma paixão pela elaboração de hipóteses (que mais tarde usaria também na medicina).

Quem foi o autor de Sherlock Holmes?

Conan Doyle viveu na Inglaterra desde muito pequeno, depois de terminar a faculdade de medicina foi morar em Southsea.

Como a medicina não estava lhe dando retorno que esperava, Conan começou a escrever, uma paixão que tinha desde pequeno.

Entre um paciente e outro, Doyle escrevia e assim criou o Sherlock Holmes.

Nem mesmo o médico esperava que de imediato o personagem fosse fazer tanto sucesso.

Um dos aspectos que mais chamam a atenção nas histórias de Sherlock Holmes é a sua proximidade com o seu criador, diversos fãs e estudiosos do personagem afirmam que Doyle deixou pistas nas histórias que transmitiam seus pensamentos e criticas a sociedade britânica daquela época.

Vida e Juventude do Personagem

Existem poucas histórias que incluem a vida e a juventude do personagem Sherlock Holmes fora do ambiente investigativo.

Mas existem teorias que o personagem possuía alguns vícios e obsessões, era quando jovem o que atualmente chama-se de “bad boy”.

Outro aspecto da vida de Sherlock é que o mesmo nunca esteve em situação de vulnerabilidade social e pertencia a uma família relativamente nobre, visto os lugares que frequentava.

Nos livros, diferentemente das adaptações para o cinema, é retratado que Sherlock era um pouco agressivo, fazia uso de substâncias (hoje, ilícitas) e não se importava com a cultura, a política ou a ciência, a não ser que elas auxiliassem em suas investigações.

Desvendar mistérios é algo vital para o personagem, pois quando não está trabalhando em casos, ele fica entediado e até mesmo um pouco depressivo.

Entretanto, cabe dizer que mesmo nos livros, a vida de Sherlock é um grande mistério e existem algumas contradições ao longo das histórias.

Mas talvez, fosse à intenção de Doyle criar um personagem misterioso/discreto, até porque essa é uma característica dos detetives.

Livros sobre Sherlock Holmes

Os livros criados por Doyle sobre Sherlock Holmes são:

– Um Estudo em Vermelho;

– O Signo dos Quatro;

– Um Escândalo na Boêmia;

– O Ritual Musgrave e Outras Aventuras;

– O Mistério do Vale Boscombe e Outras Aventuras;

– O Jogador Desaparecido e Outras Aventuras;

– A Volta de Sherlock Holmes;

– O Enigma do Coronel Hayter e Outras Aventuras;

– O Roubo da Coroa de Berilos e Outras Aventuras;

– O Vale do Terror;

– O Cão dos Baskervilles;

– O Vampiro de Sussez e Outras Aventuras;

– O Arquivo Secreto de Sherlock Holmes;

– O Último Adeus de Sherlock Holmes.

Porém, Sherlock fez parte de outras histórias também, como é o caso do livro publicado por Jô Soares no Brasil, intitulado “O Xangô de Baker Street”; ou o clássico “Arsene Lupin contra Sherlock Holmes” do autor Maurice Leblanc.

Curiosidades sobre o personagem

Algumas curiosidades sobre o personagem e suas histórias:

  • A conhecida e repetida frase “Elementar, meu caro Watson” nunca foi dita pelo personagem nos livros, a mesma foi criado em uma adaptação para o teatro no ano de 1989;
  • O personagem foi adaptado para o teatro, filmes (mais de 15), séries de TV (5 no total) e até para programas de rádio (Europa);
  • Sherlock tem um irmão tão brilhante quanto ele, se chama Mycroft Holmes e trabalha para o governo;
  • Apesar de uma das marcas do personagem ser o cachimbo, na maioria das histórias ele aparece fumando cigarros ou charutos;
  • Sherlock também participou de histórias de quadrinhos, teve uma edição exclusiva na DC Comics e apareceu em diversas histórias, inclusive com o Batman.

Na mesma época em que Sherlock foi criado surgiram outros personagens do gênero, por exemplo, Arsene Lupin, mas nenhum conseguiu emplacar a popularidade de Sherlock.

Biografia de Sherlock Holmes
5 (100%) 7 votes

Leave a Reply